Você está aqui

Forum IEL de Carreiras mostra tendências e caminhos profissionais

 
O último painel do Fórum IEL de Carreiras, realizado sexta e sábado no Shopping Praia de Belas em Porto Alegre, juntou quatro industriais para falar do cenário do setor e os caminhos que os jovens devem percorrer para terem sucesso. David Randon, da Randon , Ricardo Felizzola, da HT Micron, Claudio Teitelbaum, da Engenharia Joal Teitelbaum, e Claudio Guenther, da Stihl, falaram de suas trajetórias e das tendências atuais. “A indústria 4.0, para onde estamos caminhando, tem muito mais automação, fortalecimento da produção local e ganhos de escala”, disse David Randon, destacando que os jovens devem se preparar  buscando a melhor qualificação possível. “A tecnologia mais avançada abre muitas oportunidades, principalmente nas áreas de ciência, matemática, engenharias, biotecnologia e nanotecnologia”, comentou.   
 
O Fórum IEL de Carreiras, promovido pelo Instituto Euvaldo Lodi,  integrante do Sistema FIERGS, em parceria com IEL Nacional, Sesi e Senai, reuniu mais de 3.200 participantes, entre oito painéis com 23 palestrantes, 35 oficinas e couching individuais durante os dois dias. O espaço interativo Sesi e Senai registrou mais de 500 atendimentos. Voltado a estudantes universitários, do ensino médio e técnico, além de profissionais em início de carreira, o evento buscou dialogar sobre desenvolvimento de carreiras e a orientação profissional para jovens que buscam entrar no mercado de trabalho.
 
Ricardo Felizzola salientou que as mudanças estão acontecendo muito rapidamente. “Estão surgindo novas profissões e novas áreas há todo o instante”, comentou. “O que precisamos são profissionais aptos a aprender. Que estejam buscando o aprendizado constante, tenham uma boa base cultural e se comuniquem bem”, ressaltou. “As pessoas devem estar conectadas com o mundo moderno, falar inglês para ganhar tempo, porque tudo é muito rápido”, afirmou. “Acredito que a indústria nacional tenha condições de agregar valor e se tornar mais competitiva”, destacou. Claudio Teitelbaum relatou sua história profissional e a importância da formação acadêmica e também a prática. Com mediação de Gabriel Pensador e da apresentadora Rodaika, o painel foi um dos mais concorridos.
 
O diretor da Stihl, Claudio Guenther, afirmou que os jovens devem correr atrás do que querem, não ficar esperando que as coisas aconteçam e deu algumas dicas: “Seu nome é a sua marca, portanto seja ético. Saiba o que quer, planeje e busque seus objetivos e cultive relacionamentos”, colocou. Guenther ainda elencou características, que segundo ele, são importantes para os profissionais da indústria: qualificação técnica (incluindo idiomas, financeiro e informática), criatividade, proatividade, enxergar soluções, ter habilidade de se relacionar e trabalhar em equipe, entregar trabalhos com qualidade, ter motivação para o autodesenvolvimento, ser aberto a mudanças e respeitar a diversidade e valorizar a sustentabilidade.
 
 

 

Veja mais

FIERGS 22/07/2016 às 12h59
 O Serviço Social da Indústria (Sesi) é a instituição mais lembrada no Brasil quando o assunto é saúde e segurança do trabalho.
Saiba mais
FIERGS 22/07/2016 às 12h52
O Senai-RS conquistou ouro (Tecnologia de Midia Impressa – Murilo Antunes da Silva, na foto), prata (Eletricidade Industrial – Gabriel Mendes) e bronze (...
Saiba mais
FIERGS 21/07/2016 às 14h52
Data de 1956 o registro da chegada dos primeiros japoneses ao Rio Grande do Sul, especialmente para atuar na agricultura. Hoje, são 1,8 milhão de...
Saiba mais