Você está aqui

Contratação de estagiário: saiba como realizar o processo da melhor forma

    Contar com os profissionais certos na sua empresa é fundamental. O que talvez você não saiba é como uma contratação de estagiário pode trazer resultados bem diferentes do habitual. Com foco na formação, esse perfil desperta na companhia não só a memória de velhos tempos, como também traz uma visão de o que há de novo (como estratégias atualizadas) e muita empolgação.

    Se você acompanha as tendências para saber sobre o futuro do trabalho e quer aproveitar a força inovadora que um estagiário agrega para a empresa, continue neste artigo. Afinal, a geração que está entrando no mercado precisa de oportunidades para colocar o conhecimento em prática, aprender dicas e truques da carreira e pode ser a solução para incentivar que projetos saiam do papel. Boa leitura!

    Descubra qual é a importância da contratação de estagiário

    Existem muitos benefícios em contar com um estagiário na sua empresa. Um deles é justamente o fato de contribuir para a formação de jovens estudantes. Além disso, existem outras vantagens, como:

    • sem vínculo CLT: o contrato de estágio não é regido pelas leis trabalhistas, sendo assim, não é preciso pagar impostos como o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço);
    • não precisa calcular 13º ou férias: apesar de ser necessário oferecer um tempo de folga para os estudantes que decidem se dedicar à prática profissional, não é preciso fazer o pagamento de 13º, férias, além de outros investimentos. Benefícios como vale-alimentação, por exemplo, devem se estender para todos os colaboradores, mas para o estagiário não;
    • um contrato é o que define a relação de serviço: para um estagiário se desligar das suas atividades, não é necessário cumprir aviso prévio; em contrapartida, a empresa também não precisa fazer acerto nesse processo;
    • remuneração como incentivo x alta motivação: enquanto um funcionário terá como foco a sua remuneração, o estagiário quer aprender mais, a experiência do trabalho em si é o que motiva e engaja ele a estar na empresa, pronto para colocar os conceitos aprendidos em prática;
    • ideias inovadoras: você tem acesso a talentos que querem fazer a diferença no mercado e estão atualizados;
    • alta motivação: enquanto os colaboradores podem se interessar mais pela remuneração do que pelo trabalho em si, a tendência do estagiário é estar engajado, pronto para colocar os conceitos aprendidos em prática;
    • identificação de novos talentos: no universo do futebol existem profissionais conhecidos como “olheiros”, que visitam times de jovens jogadores para localizar (e fechar contrato) com aqueles que demonstram grande desempenho. De forma parecida, contratar estagiários é ter a oportunidade de encontrar o profissional ideal para a sua empresa e conhecer a performance dele antes mesmo de precisar formalizar uma contratação.

    Veja as principais dicas na hora da contratação

    O primeiro requisito para que alguém seja identificado como estagiário é o fato de a pessoa estudar. Podem ser os anos finais do ensino fundamental, jovens do ensino médio, superior ou de cursos profissionalizantes.

    Isso significa que você pode pesquisar instituições que têm o perfil semelhante à cultura da sua empresa. Para tal, comece procurando por aquelas que oferecem o curso que apresenta maior afinidade com o seu negócio.

    Vale lembrar também que um contrato de estágio é celebrado entre três partes: sua empresa, o estagiário e a instituição de ensino na qual ele estuda.

    Para contar com essas novas gerações na força de trabalho da sua empresa, é importante entender qual é a finalidade da atuação do estagiário. Existem dois tipos de estágio, que pode ser:

    • obrigatório: serve como comprovação de conhecimento prático para o aluno. O estágio obrigatório se encontra em cursos como pedagogia, psicologia e medicina. É importante destacar que o estagiário não pode ser remunerado nesse modelo de estágio;
    • remunerado: quando o estagiário busca o trabalho voluntariamente. Isso pode acontecer, inclusive, para os cursos que têm como requisito de formação o estágio obrigatório.

    Saiba como estimular o seu estagiário a inovar e se engajar na empresa

    Empresas com propósito, como o Google ou a Netflix, normalmente atraem muitos estagiários. Algumas delas também são famosas pelos seus ambientes de trabalho descontraídos e benefícios, como lanchonete que fornece a alimentação gratuitamente para os colaboradores. Entretanto, existe algo que não pode ser ignorado: os jovens dessa geração estão em busca de algo coerente.

    Então, para se preparar para ter sucesso na relação com estagiários, é importante entender claramente quais são os valores da empresa e torná-los algo mais concreto que frases bonitas na parede. Além disso, você pode investir em estratégias inovadoras, como a gamificação, que usa o contexto lúdico dos jogos para transmitir conhecimentos e estimular a produtividade.

    Você também pode criar listas com os pontos que acredita ser fundamentais para um estagiário cumprir na sua empresa e o que enxerga como maior contribuição da companhia para essas pessoas. Assim, fica mais fácil contratar quem está em busca justamente das competências que seu negócio pode somar, ao mesmo tempo em que você já seleciona na contratação aqueles que têm as habilidades buscadas.

    Acompanhe os passos essenciais da contratação de um estagiário

    Um modelo interessante para esse processo é definir quais vagas a sua empresa está disposta a conceder para estagiários. Em seguida, é preciso desenvolver o anúncio dessas posições, divulgando nas instituições de ensino que você considerar mais relevantes para o processo. Aproveite também a transformação digital e faça a divulgação do processo seletivo em ambientes virtuais.

    Ao fazer uma contratação, é obrigação da empresa contratante fazer um seguro de vida pessoal para o estagiário. Ele também tem direito a 30 dias de recesso (de preferência, na época das férias letivas).

    Sua empresa também precisa definir quais serão os benefícios para o estagiário, como:

    • bolsa-estágio;
    • vale-transporte;
    • vale-refeição;
    • plano de saúde;
    • vale-cultura.

    Como você viu, a contratação de estagiário é simples e apresenta muitas vantagens para a empresa. É importante lembrar que esse incentivo ajuda o estudante a ter conhecimento prático sobre determinadas áreas, mas que o negócio também ganha com novas ideias e com o engajamento dos jovens para a realização de projetos.

    Gostou deste texto? Se você quer conhecer melhor os benefícios de um bolsista para o seu negócio, assine a nossa newsletter e receba outras dicas e conteúdos para otimizar a gestão de pessoas na sua empresa!


    Por Redator IEL
    quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2020 - 9h09

    Deixe um Comentário

    12 + 2 =